Goleiro Jean, do São Paulo, é espancado por detentos na cadeia de Orlando, nos Estados Unidos

O goleiro Jean, do São Paulo, foi espancado por detentos do sistema prisional de Orlando, na Flórida. O goleiro foi encaminhado para a UTI do presídio e deverá passar por cirurgia no olho e na boca.

A prisão em que Jean está é famoso por seus detentos que são impiedosos com pedófilos, estupradores e agressores de mulheres. Os advogados do jogador pretendem entrar com um pedido de transferência para outro presídio antes que o pior aconteça.

Jean foi preso em Orlando, nos Estados Unidos, na última quarta-feira 18, acusado de agredir a esposa, Milena Bemfica. A ficha do jogador já consta no sistema do Departamento de Correções do Condado de Orange, na Flórida. Ele foi fichado às 7h27, pelo horário local (9h27 em Brasília).

Milena Bemfica postou vídeos nos quais aparece com o rosto machucado. Nas filmagens, ela acusa o jogador de tê-la agredido durante as férias. Horas depois, as imagens foram apagadas.

Ela também divulgou uma conversa que teve com Jean no aplicativo. “Parabéns. Terminou com minha carreira. E suas filhas vão passar fome”, escreveu o jogador. As imagens foram apagadas posteriormente e Milena se limitou a tranquilizar os fãs e dizer que estava bem.